Mariana Destro (n. 1993) vive e trabalha em Brasília. Graduada em Artes Visuais pela Universidade de Brasília (UnB), realizou a exposição individual Jardim, com curadoria de Marília Panitz, no deCurators (2018). Fez sua primeira individual, casa tomada, no SESC Teatro Garagem (DF), em 2016. Participou das mostras coletivas Festivau de C4nn3$, na Lona Galeria (SP), Palavra, animal não doméstico, no Espaço Piloto (DF), 礼拝 Elegia para Nilce, no deCurators (DF), O Lado Côncavo, na CAL (DF), ONDEANDAAONDA, no Espaço Cultural 508 Sul (DF), entre outras. Integrou a publicação Pictoria — The Best Contemporary Illustrators Worldwide (Crooks Press), em 2018. Faz parte da plataforma de arte Piscina desde 2015. Foi selecionada para as coletivas AIREZ 2018 e 2017 (PR), sendo a última integrante da Bienal Internacional de Curitiba. Em novembro de 2018 fez residência na Casa Voa (RJ), onde apresentou a série Monstera deliciosa. Entre dezembro de 2018 e março de 2019 realizou o ciclo Olho Selvagem no deCurators. Foi curadora de Fruto Proibido, na galeria A Pilastra (2019), e de FRANK, exposição individual de Bia Leite no deCurators (2019). ︎